Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

O dia para o qual nunca estamos preparados

14.01.14publicado por Gato Pardo

Queria escrever-te todas as palavras existentes no mundo.

Mostrar-te tudo aquilo que gostarias de ter visto e nunca tiveste oportunidade.

Hoje deixaste-me de coração destroçado. Sempre te julguei imortal, imune a todas as doenças, ao definhar. Mas ambos sabíamos que não era assim. Tu aceitavas, eu negava-o a mim mesmo.

Viste-me nascer, crescer, tornar-me o homem que sou hoje. Nunca me negaste uma palavra, um conselho, uma reprimenda, dois minutos do teu tempo. És responsável por quem sou e pelo que sou. Ensinaste-me carácter, respeito, humildade e mais importante, identidade. Sermos nós mesmos, dizias tu.

Não gostei da tua voz da última vez que falámos. Achei-a embargada, quase uma despedida precoce. Não estava enganado. Infelizmente.

Hoje deixaste-me. E eu sinto-me morto por dentro, vazio. Não devia. Devia sentir exactamente o contrário. Devia-me sentir uma melhor pessoa por ter tanto de ti em mim.

Foi um privilégio imenso ter sido teu neto. Um orgulho. Foste avó, mãe, confidente, amiga e tudo o mais que esteve ao teu alcance.

Amei-te o mais que pude, amo-te e irei sempre amar-te até ao meu último fôlego.

O Alentejo para mim hoje está de luto. Negro, triste. Os pássaros não chilreiam e as oliveiras não dançam ao sabor do vento em sinal de respeito.

 

Pronto, agora já se pode dizer que é um gajo com um valente par...

13.01.14publicado por Gato Pardo

 

Ronaldo ganhou a Bola de Ouro.

Há quem o idolatre, outros que o odeiam. Não se pode agradar a todos.

Mas é português. E clubismos à parte, estarei sempre do lado dos portugueses (até podia jogar no Carcavelos, quero lá saber).

Mas neste caso, acho merecido. O puto farta-se de jogar, carrega com o Real Madrid às costas, é um exemplo de profissionalismo para com a sua entidade patronal, apenas peca por alguma inconsistência ao serviço da Selecção Nacional. Mas é devido a ele que vamos ao Brasil, não nos esqueçamos. Quando mais precisámos dele, disse presente. O Paulo Bento bem pode agradecer aos santinhos por tê-lo como jogador e não como adversário.

É verdade que Ribery ganhou tudo que havia para ganhar em 2013. Não deixa também de ser verdade que o Messi enquanto não sair do Barcelona é um crónico candidato a ganhar tudo que existe (desde o melhor brinca na areia até ao melhor folhado de salsicha da Catalunha, não interessa. Se existe uma categoria e um prémio, Messi está lá). Mas um extremo (repito, um extremo...) que marca o absurdo número de golos que marca e tem a importância capital na sua equipa e selecção merece ser reconhecido.

E sim, sou português. Logo, torço sempre pelo material de origem.

Parabéns Ronaldo!

Regras de uma convivência salutar com um Gato Pardo

08.01.14publicado por Gato Pardo

- O Gato é como é. Gosta de ser como é. Provavelmente será sempre como é. Deal with it.

- O Gato tal como todos os felinos, não é submisso. Não me vergo a vontades, quereres ou agendas de terceiros.

- O Gato assume a sua perfeição em toda a sua imperfeição. Mas não assume a estupidez alheia. Essa deixa-a para os respectivos proprietários.

- O Gato não gosta de pombos correio. Apesar de felino, mais facilmente pego numa caçadeira (metafórica) de canos serrados e limpo a sebo aos pombos do que me mando de uma janela só porque "olha, um rato com asas...". Mais feio que arrotar postas de pescada é mandar alguém entregar o recado com receio de um cartucho (verbal, é apenas uma metáfora...) enfiado na tola. É as vantagens de saber com quem lidam.

- O Gato não aprecia particularmente que o tentem "f*der". Subtilmente, descaradamente, vai dar ao mesmo. M*rda da grossa.

- E por fim, o Gato não têm paciência para pessoas com vidas vazias, fúteis e miseráveis que tentam viver a sua existência através das minhas vitórias, sorrisos e litros de cafeína.

 

Sigam estas simples linhas de orientação e tudo correrá bem. Pisem na bola e sigam caminho. Não é um conselho. É algo a fazer. Não há segundas oportunidades para quem tão mal estima as primeiras.